ta sempre a par das novidades

terça-feira, 19 de abril de 2011

/umas mãos cheias de mim ou sexo? agora sim, obrigado

Sento-me numa esplanada; ao fundo um casal jovem sorri... os labios bem rasgados, a gargalhada chega-me com a brisa; as roupas minísculas da praia levam a que outros toques acordem e a que outras vontades despertem... um bar, a mesma cena, os copos soltam, o verao ajuda e eu sinto-me mal...
Detesto casais! Detesto os beijos! Detesto as carícias dos outros...
...tudo porque não tenho os meus beijos, as minhas carícias, as minhas vontades correspondidas...
A libido rebenta e rebenta agora, não dá para aguentar mais, não muito mais... preciso de alguém - de um carinho de um abraço de uma festa de uns labios de umas mãos cheias de mim...
Eu quero beijar, beijar muito, tocar bastante,mordiscar lóbulos e lábios, sentir o sabor da pele, sentir o cheiro do corpo, ouvir aquela respiração que exige que nada pare... quero que me arranhem a nuca e me puxem o cabelo, quero sentir as unhas nas costas, os dentes no pescoço, a lingua no ouvido, a mão a entrar por dentro das calças, a boca a descer o peito, a passar pelos mamilos, a rodea-los, uma suave dentada, um sopro, a língua a continuar o seu percurso, descendo descendo... a mão dentro das calças a outra que arranca o cinto, uma dentada seca que arranca os botões... a boca, a lingua, os dentes, os labios nele... eu quero eu preciso eu desejo ...
Sexo? agora sim, obrigado....

Sem comentários:

Enviar um comentário